Heitor Amatsu fala sobre inspirações e futuro da HQ Rá-Tim-BOO

11 de agosto de 2017 às 18:27 | Por

Rá-Tim-BOO, quadrinho de Heitor Amatsu (“Loki“), retrata a vida, (ou seria morte?) de Gabriela, uma garota fantasma. A menina anseia por respostas e mais que tudo, vingança do fantasma papa-almas que sugou a de seu pai. Contudo, ao se deparar com André, pode mudar toda a sua busca e de quebra, descobrir uma grande conspiração.

 

A HQ está disponível no site de Smocci, site de leitura que conta com mais de 1mil obras gratuitas. “Eu precisava de uma obra para minha estreia na antiga Conexão Nanquim, então passei um tempo desenvolvendo idéias e esboços até conseguir lançar o capítulo piloto, o atual prólogo da história e como sempre fui fã de mistérios e histórias de terror, segui com isso!”, contou Heitor ao Mais QI Nerds.

 

 

O autor fez pesquisas sobre o universo paranormal, sobre religiões e rituais, e tudo mais que pudesse enriquecer a história de André e Gabriela. “Analisei filmes, jogos e quadrinhos de terror para entender como o gênero funciona e qual seria a melhor forma de abordá-lo. Algumas das inspirações foram o filme O Babadook, as obras de Junji Ito, o jogo IB , além de documentários e relatos”, disse o quadrinista.

 

Para quem prefere o bom e velho papel ao invés de leitura através de telas, o futuro reserva à obra uma versão impressa. Mas para tal, a ajuda dos fãs de quadrinhos será necessária, já que a publicação acontecerá por meio de financiamento coletivo cuja campanha acontecerá ainda este ano.

 

Leia Rá-Tim-Boo

 

Jornalista. Sonho em me tornar uma mistura de Lizzie Bennet e Tracy Whitney, tirando a parte fora da lei. Ler e escrever são o que mais gosto de fazer. Fico nervosa sem um livro na bolsa ou quando não acho caneta e papel quando a inspiração vem. Tenho sonhos a lá filme de Spielberg, ilusões amorosas por Mr. Darcy e obsessão por Harry Potter.