Bendita Cura, nova HQ da Entre Quadros aborda tema polêmico, “Cura Gay”

20 de setembro de 2017 às 18:52 | Por

Quando notícias asquerosas sobre censura e aprovação de “cura gay” vêm a tona, a arte novamente se faz necessária e ativa. Bendita Cura, nova HQ da Entre Quadros aparece em um momento delicado e levanta questionamentos sobre coisas que deveriam apenas ser pano para uma boa história, mas que está (infelizmente) em nossa realidade.

 

“Resolvi antecipar o lançamento por conta destas notícias recentes de censura e liberação destes tratamentos por um juiz. Não podia ficar parado diante desta onda reacionária atual. Estamos num momento político muito perigoso não só aqui, mas no mundo inteiro, com o conservadorismo avançando cada vez mais sobre as esferas de poder e a história já nos mostrou o que eles são capazes quando estão no comando de tudo. Espero que minha arte ajude a esclarecer algumas coisas para o máximo de pessoas possível, pois preconceito se combate com conhecimento. Quanto mais nos entenderem, menos nos odiarão e menos terão medo de nós.”, contou Márcio Cesar Oliveira (Púrpura Não existem super-heróis na vida real), a mente por trás da HQ.

 

Bendita Cura narra a vida de Acácio do Nascimento, um homem que é submetido desde criança a diversos tratamentos em busca de uma suposta cura de sua homossexualidade. A história debate sobre orientação sexual e de gênero procurando desmistificar o tema, tratado ainda como tabu.

 

 

“A ideia pro Bendita Cura surgiu há alguns anos quando o Pastor Marco Feliciano virou presidente da Comissão de Direitos Humanos na Câmara e trouxe este assunto à tona na época. Pesquisei bastante e descobri muitos absurdos nesses tratamentos picaretas e li sobre as sequelas e traumas que geraram em inúmeros pacientes que buscavam cura para uma doença que simplesmente não existe. Alguns chegaram até a cometer suicídio por conta da frustração de não ter sido curado e por não se aceitarem e nem serem aceitos como são.”, disse Márcio.

 

 

A HQ será publicada mensalmente na plataforma Tapas  (https://tapas.io/series/Bendita-Cura) e futuramente se encontrará ainda no Social Comics. Serão 9 capítulos ao total.

 

 

Jornalista. Sonho em me tornar uma mistura de Lizzie Bennet e Tracy Whitney, tirando a parte fora da lei. Ler e escrever são o que mais gosto de fazer. Fico nervosa sem um livro na bolsa ou quando não acho caneta e papel quando a inspiração vem. Tenho sonhos a lá filme de Spielberg, ilusões amorosas por Mr. Darcy e obsessão por Harry Potter.