6 julho, 2017 às 18:59 | Por

Projeto junta auto ilustrações de quadrinistas em momento íntimo

Conhecer mais o trabalho de quadrinistas nacionais e até mesmo um pouco 

mais sobre a vida pessoal deles é, na maioria das vezes, algo muito interessante. E se pudêssemos então acompanhar um dos momentos mais íntimos na vida de um ser humano, saber como é esses artistas cagando?! Parece estranho, mas trata-se apenas de um projeto muito criativo criado por Renata França. Mas não se preocupe, nenhuma cena de nudez explícita entrará nessa matéria. “Quadrinistas Cagando” propõe que os próprios artistas ilustrem esse momento particular.

 

A ideia do projeto surgiu, segundo Renata, após conhecer um livro chamado “Cartunistas Pelados”. “Era uma coletânea de autorretratos de artistas de fora, na página da direita tinha o desenho, e à esquerda uma pequena biografia. Achei a ideia legal, mas alguns desenhos eram um pouco caretas, os dos caras tinham muito essa coisa da autoafirmação fálica, enquanto q as minas tinha uma coisa mais pudica. Na hora brinquei que uma versão brasileira tinha que expor algo mais “íntimo” dos artistas. E logo na sequência veio a ideia “Quadrinistas Cagando”. Parecia algo esdrúxulo, mas quando resolvi colocar em prática, no Festival Guia dos Quadrinhos de 2016, vários artistas curtiram a ideia. Daí pra frente fui pedindo nos outros eventos para artistas colaborarem.”, explicou ela.

 

Estando ainda no começo, o projeto conta com página no Facebook e no instagran, onde as ilustrações são divulgadas, juntamente com uma pequena biografia do artista.  Até o momento, todos os desenhos foram coletados diretamente nos cadernos de sketch book de Renata, que explicou que com a publicação na internet, foi despertado o interesse de novos quadrinistas e assim, ela passou então a aceitar desenhos por email ( desenhosdemerda@gmail.com ). Para participar, basta ser um ilustrador, quadrinista e/ou cartunista, e enviar a arte juntamente a uma mini-biografia e o link para o instagram ou página do artista.

 

 

“No início era uma coisa totalmente pessoal, só pra ficar no caderno. Brincava sobre fazer um livro com os desenhos, mas nada tão a sério. Como vários artistas adoravam as artes nos cadernos (já são três cadernos, com cerca de 200 desenhos), resolvemos fazer a página no Instagram e Facebook. E agora estou pedindo autorização aos ilustradores pra postar o desenho deles na rede. {…} A maior parte das pessoas q vê os desenhos adora, tanto artistas, quanto fãs de quadrinhos.” disse Renata.

 

 

Jornalista. Sonho em me tornar uma mistura de Lizzie Bennet e Tracy Whitney, tirando a parte fora da lei. Ler e escrever são o que mais gosto de fazer. Fico nervosa sem um livro na bolsa ou quando não acho caneta e papel quando a inspiração vem. Tenho sonhos a lá filme de Spielberg, ilusões amorosas por Mr. Darcy e obsessão por Harry Potter.